22.3 - 9.9.2018

memorias del subdesarrollo: el giro descolonial en el arte de américa latina, 1960–1985

antonio dias, helio oiticica
museo jumex -- cidade de méxico, méxico

A exposição examina uma mudança de paradigma na produção da cultura e das artes visuais na América Latina, entre o início dos anos 50 e os e metade dos anos 80. Este descolamento se caracterizou pela articulação de uma contranarrativa à retórica do desenvolvimento, tendo em vista uma descolonialização das práticas entre os artistas latino-americanos, que questionavam os modelos culturais e estéticos impostos ao tomar uma distância crítica dos cânones e do vocabulário da modernidade. Clique aqui para saber mais.