22.9 - 18.11.2018

A VOID

88 eldridge st. ny, new york

Com curadoria de Paul Ramirez Jonas, A Void reúne trabalhos de oito artistas que abordaram as ausências criadas pela violência sistêmica contra grupos específicos de pessoas, e os justapõe com oito obras de arte que foram perdidas para a guerra. A exposição está ancorada em torno do romance de 1969 de George Perec, “A Void”. Este livro foi escrito sem usar a letra “e”, ou como se diria em francês “sans e”, ​​que quando lido em voz alta soa como “sans eux” - o que significa “sem eles”. Carta comum em francês, e essa restrição de escrita é considerada uma referência codificada à perda da família de Perec no Holocausto.

 

Clique aqui para mais informações.