The mirror, 2016

óleo sobre tela

183 x 140 cm

Press Release

+

Galeria Nara Roesler | New York tem o prazer de apresentar The Mirror, primeira individual de Bruno Dunley em Nova York. A exposição inclui uma seleção de trabalhos desenvolvidos em 2016 durante a residência artística Further on Air, em East Hampton. As obras envolvem a história da pintura, bem como o rico legado histórico da arte do East End, região onde a luz e a paisagem específica se tornaram uma inspiração para Pollock, Kline e de Kooning nas décadas de 1940 e 50. Uma nova publicação referente a última década da produção de Dunley será lançada por ocasião da exposição.

 

O trabalho de Dunley questiona a especificidade da pintura, particularmente em relação à representação e à materialidade. Suas telas partem de composições cuidadosamente construídas, passando gradualmente por correções e alterações que, às vezes, revelam as lacunas na aparente continuidade da percepção.

 

Um dos indicados para a edição 2012 do Prêmio Pipa, Dunley (n. 1984) foi destaque em várias exposições individuais, incluindo: Ruído (Galeria Nara Roesler, São Paulo 2016); Bruno Dunley (11 Bis, Paris, França, 2012); bem como exposições coletivas: A luz que vela o corpo é a mesma que uma tela (CAIXA Cultural, Rio de Janeiro, 2017); 9999 (The Fireplace Project, East Hampton, Nova York 2017) e A Bela e a Fera (Galeria Central, São Paulo, 2017). Ao lado de Marina Rheingantz e Lucas Arruda, as obras de Dunley fazem parte de importantes coleções institucionais no Brasil, como o Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, a Pinacoteca do Estado de São Paulo e o Instituto Figueiredo Ferraz.

Vistas da Exposição

+

Bruno Dunley | The Mirror | Galeria Nara Roesler | New York -- vista da exposição -- foto Will Wang © courtesy of the artist and Galeria Nara Roesler