7 - 15.2.2020

dhaka art summit 2020

bangladesh shilpakala academy, dhaka, bangladesh

Antonio Dias integra o Dhaka Art Summit 2020: Seismic Movements, que irá acontecer de 7 a 15 de fevereiro, em Dhaka, Bangladesh, ao lado de outros artistas brasileiros como Jonathas de Andrade, Vivian Caccuri e Lucas Arruda.

 

Com curadoria de Diana Campbell Betancourt, a exposição incluirá seis trabalhos de Antonio Dias em papel nepalês. Em 1977, Dias viveu por um período intenso de cinco meses com artesãos nepaleses perto da fronteira tibetana, onde aprendeu e adaptou o processo tradicional de fabricação de papel. Com esses papéis, o artista criou obras por pelo menos uma década, acrescentando experiência de vida a essas notáveis superfícies colaborativas que carregam traços de experimentação, invenção e reinvenção.

 

Dhaka Art Summit 2020: Seismic Movements é inspirada na leitura geológica da palavra 'cume' como o topo de uma montanha e movimentos sísmicos que não aderem a estruturas estadistas ou nacionalistas e busca movimentar nossa compreensão do presente e do passado, criando oportunidades para se reunir, fazer e escrever a história (da arte) a partir de novas perspectivas, dando voz às pessoas que não estão em posições dominantes para que estas sejam ouvidas.

 

Saiba mais. 

 

Imagem: Antonio Dias, The Illustration of Art/ Tool & Work, 1977.