Press Release

+

A Galeria Nara Roesler | São Paulo tem o prazer de apresentar A Carne do Mar, individual de Brígida Baltar com curadoria de Marcelo Campos, que conta com 12 esculturas de cerâmica e porcelana esmaltada realizadas em 2017. 

Segundo a artista, a pesquisa desta exposição tem origem em suas memórias de infância, quando procurava conchas perfeitas nas areias de Copacabana. Foi a partir dos fragmentos - cacos da decepção - que descobri as formas orgânicas e aprendi sobre a potência da incompletude". Baltar acrescenta que ao desenvolver estas obras pensava no sentido da palavra quimera, em seus significados: devaneio, ficção, monstro mítico, peixe. 

Habituada a investigar o universo feminino e íntimo, frequentemente a partir de elementos orgânicos e naturais. Em A Carne do Mar, Baltar faz do oceano seu espaço íntimo. "Pensando no mar e na palavra quimera descobri que nas profundezas todos os seres são híbridos", diz.

Vistas da Exposição

+

Brígida Baltar

A Carne do Mar

vista da exposição -- Galeria Nara Roesler | São Paulo, 2018